Rua do Xisto nº 150,
4475-509 Nogueira Maia

(351) 229 607 021
info@apre.pt

KI Energia Vital

|
Escrito por APRE

 

Sérgio Silveira

Presidente da APRE Associação Portuguesa de Reiki Essencial e fundador da Anastácia Centro de Terapias Alternativas 

www.apre.pt

Por milhares de anos o Taoísmo ensinou que tudo é feito de uma energia subtil que carrega as forças psíquicas e vitais. Dizem tudo o que é material é formado por quantidades diferentes de dois elementos opostos que chamam de Yin (terra, matéria, feminino, interior) e Yang (positivo, luz, masculino, etéreo) sendo essa a fonte do Universo, a existência superior como Deus, mas é impessoal. Especificar o que é o Ki não é uma tarefa fácil, pois os seus significados do Japonês para o Português são diversos. Devemos ter em mente que uma tradução exata é muito difícil. A língua japonesa devido aos seus inúmeros níveis de significados, variando do mundano ao místico, a palavra Ki é frequentemente definido como "espírito", "mente" ou "ar", mas é uma das diversas palavras japonesas que não têm uma correspondência ocidental. As traduções mais corretas para a palavra KI são aura, ar no seu sentido original. Sabemos que o corpo de um ser humano ou de um animal irradia calor e energia, sendo essa energia a Energia de Vida ou Energia Vital. Esta energia tem tantas designações quantas as culturas existentes. 
Por exemplo, os Russos chamam-lhe Energia Bioplasmática, os Hunas da Polinésia chamam-lhe Mana, os Índios Iroqueses Americanos chamam-lhe Orenda, na Índia chama-lhe Prana, nos Países Islâmicos designam-na por Baraka e por Chi na China. No Japão, a esta Energia Vital dá-se o nome de Ki e é essa palavra que em conjunto com a palavra Rei que designa a Energia Universal, forma o nome Reiki. Podemos assim, tentar definir duma forma mais simples, o Reiki como, um método que permite a qualquer ser vivo despertar dentro de si e ligar-se à Energia Universal (Rei), para com ela harmonizar a sua própria Energia Vital (Ki) assim como a de qualquer outro ser vivo. 

O Ki é um tipo de energia de vida que o corpo de qualquer ser vivo produz, proveniente de diversas fontes como o ar, a água, os alimentos e o sol, estando o seu estado de saúde dependente do maior ou menor grau de harmonia e fluidez dessa energia. Estados de desarmonia física, mental, espiritual e emocional levam a que a passagem da Ki seja obstruída em determinados locais do nosso corpo, e então, os reflexos a nível físico dão-se sob a forma daquilo que normalmente designamos de doenças. 

Quando a Ki deixa o organismo, a vida cessa. O equilíbrio da nossa energia Ki, é assim essencial para que o organismo tenha um funcionamento perfeito pois está constantemente a ser desequilibrado com angústias, depressões, pensamentos e atitudes negativas, alimentação incorreta, preocupações excessivas, falta de autoconfiança, de amor próprio, entre muitos outros fatores. A nossa energia Ki desgastada pode então ser harmonizada através da energia Rei, através da Energia Universal, promovendo o equilíbrio, o aperfeiçoamento e a melhoria da qualidade de vida em todos os níveis do nosso Ser. 

O QUE É A ENERGIA KI?

Tantas são as designações e nomes aplicados a essa força eletromagnética que permeia e envolve tudo o que existe no Universo, que sustenta e equilibra a vida e a sua atividade. No Reiki, essa energia é designada como Ki e é capaz de viajar e transportar informação de todo semelhante ao processo sanguíneo ao nosso corpo, conduzindo pelas nossas veias os nutrientes necessários à vida e a sua sustentabilidade. Sabemos que o corpo humano é um complexo de movimentação de energia Ki, que atravessa e se movimenta pelos nossos órgãos internos, pele, nervos e tecidos do nosso corpo.

De acordo a diversos princípios, a energia Ki não pode ser destruída ou simplesmente desfazer, pois trata-se de uma energia capaz de alterar a sua forma dependente dos campos energéticos que venha a ultrapassar. Uma forma prática de demonstrar isso, é imaginar um campo energético à nossa volta que transporta padrões de pensamentos, emoções, sensações e crenças que se vão misturando com outras diversas influências que se encontram à nossa volta. O Ki assemelha-se a um caminho que vai percorrendo e recolhe informação, de uma energia para a outra energia, ou seja, de pessoa para pessoa e liga a todas as coisas do Universo, de tal modo que qualquer acontecimento vai mais cedo ou mais tarde repercutir em cada um de nós.

Sabemos que o pensamento de todos nós ao longo da nossa vida concentra-se naquilo que muitos chamam de “consciência de massa” que envolve todo o nosso planeta. Estamos rodeados de pensamentos e ideias de muitas pessoas, que nos leva a estar em sintonia constante. Se tivermos a capacidade de abstrair e descontrair desses pensamentos, iremos ter a capacidade de visualizar soluções para os nossos problemas. Acreditamos que existem quatro fontes principais de Ki: o Ki do Ar, Ki da Terra, o Ki da água e o Ki do Sol. A energia Ki que absorvemos diariamente transporta consigo algo do ambiente que nos rodeia, e essas concentrações podem influenciar notoriamente o nosso comportamento e alguns padrões na nossa vida. Essa influência energética pode ser afetada pelos tecidos da roupa, pelos locais onde vamos, pelas pessoas que encontramos e ainda pelas atividades que desempenhamos no nosso dia-a-dia. Esses diferentes tipos de Ki que captamos diariamente alteram a composição do Ki interior, criando e influenciado tanto positivamente como negativamente os nossos pensamentos e ações.

 

Textos retirados do livro "Formação Avançada para Terapeutas e Mestres de Reiki" - www.centroanastacia.com

 

 

Comentários   

0 #2 Carlos Malheiro 28-08-2015 08:54
Um bom site de informação ao dispor dos reikianos. Como posso inscrever como associado? Grato.
Citar
0 #1 Anabela Teixeira 16-12-2014 14:18
Li com atenção este texto e desconhecia como reikiana que podíamos aceder a quatro kis. Sempre aprendemos um pouco mais de cada vez. Gostaria perguntar se posso frequentar as vossas aulas de reiki?
Citar

Comentar


Código de segurança
Atualizar